User Score
8.1

Universal acclaim- based on 47 Ratings

User score distribution:
  1. Positive: 40 out of 47
  2. Negative: 3 out of 47
Buy On

Review this album

  1. Your Score
    0 out of 10
    Rate this:
    • 10
    • 9
    • 8
    • 7
    • 6
    • 5
    • 4
    • 3
    • 2
    • 1
    • 0
    • 0
  1. Submit
  2. Check Spelling
  1. Jun 16, 2014
    10
    "Food" is one of the most perfect album of the year! Kelis did something creative with so many inspiration. A title that look so normal, but what have a greatest content than other actuality musics. Food's Pop is just a kind of originality. This one can satisfy all hungry soul.
  2. Jun 5, 2014
    9
    Kelis' most consistent release since "Tasty." "Milkshake" brought that album the attention it needed; take it away, and you're left with an incredibly strong piece of work. "Kelis Was Here" was a hodgepodge of R&B, hip-hop, and soulful mess, while "Fleshtone" was a cohesive exploration of EDM. Now, we're back to soulful R&B, vintage production, meaningful lyrics, and strong vocals fromKelis' most consistent release since "Tasty." "Milkshake" brought that album the attention it needed; take it away, and you're left with an incredibly strong piece of work. "Kelis Was Here" was a hodgepodge of R&B, hip-hop, and soulful mess, while "Fleshtone" was a cohesive exploration of EDM. Now, we're back to soulful R&B, vintage production, meaningful lyrics, and strong vocals from Kelis, a voice that sounds like it's deep-fried and downed with a pint of beer and finished off with a cigarette (seriously, someone should patent that vocal tone). Standout tracks include "Biscuits 'N Gravy," "Cobbler, "Floyd," and "Forever Be." Expand
  3. Apr 22, 2014
    10
    This new album is too amazing for words. Since her past record, Flesh Tone, Kelis has managed to switch it up again using a theme that is also a main part of her life now, which is food! This album is full of sass & attitude, but also obviously conveys love.
  4. Apr 22, 2014
    9
    This is a truly phenomenal album. I was a fan of Flesh Tone, but this new direction comes as a huge improvement. I hope this record gets the recognition it deserves.
  5. Jul 11, 2014
    8
    Se eu pudesse fazer com que todos que leem esse humilde blog seguisse de fato minhas dicas, eu iria criar uma lista de dez artistas que você precisa escutar e gostar. Um desses artistas com certeza seria a cantora Kelis. Mais conhecida pelo sucesso Milkshake de 2003, Kelis tem uma carreira praticamente irrepreensível desde a sua estreia em 1999. Sempre seguindo no caminho mais R&B/soul aSe eu pudesse fazer com que todos que leem esse humilde blog seguisse de fato minhas dicas, eu iria criar uma lista de dez artistas que você precisa escutar e gostar. Um desses artistas com certeza seria a cantora Kelis. Mais conhecida pelo sucesso Milkshake de 2003, Kelis tem uma carreira praticamente irrepreensível desde a sua estreia em 1999. Sempre seguindo no caminho mais R&B/soul a cantora também se arriscou e se saiu extremamente bem no eletrônico com o lançamento do sensacional Flesh Tone em 2010. Quatro anos depois, Kelis está de volta a música e ao estilo que sempre carregou com maestria com o lançamento do ótimo Food.

    Produzido exclusivamente por Dave Sitek (conceituado produtor conhecido pelo trabalho com a banda Yeah Yeah Yeahs), Food é um excelente trabalho que tem a capacidade de se exceder todas as bases primarias sem grandes arrombos de criatividade. A sonoridade básica do trabalho é o soul, mas nas mãos de Dave as canções ganharam um verniz mais alternativo e menos comercial. Adicionando toques de eletrônico vindos do trabalho anterior de Kelis dão um toque mais apurado para as canções. Apesar da construção da sonoridade ser refinada e de uma inteligência inegável o que chama atenção nas faixas e, na verdade, a excepcional instrumentalização feita. Cuidadosa em todos os detalhes e rica em quantidade e qualidade, os músicos por trás estão de parabéns por um trabalho que pouco se ouve no mundo mainstream e, em alguns casos, no mundo mais alternativo. Kelis é dona de uma voz tão crua com seu tom rouco que não precisa de muito para brilhar. Em Food, além de ouvirmos esse maravilho tom, Kelis contempla quem ouve com performances sensacionais, versáteis e explodindo de personalidade por todos os lados. Mesmo com temas seguros e composições sólidas o álbum é uma lição de como fazer do simples obras impecáveis e poderosas. Food é o tipo de álbum que precisa ser ouvido integralmente para poder desfrutar todas as qualidades, mas tenho que fazer uma observação: no começo da faixa Cobbler é possível ouvir vozes femininas e, depois, da Kelis falando em português. Essas vozes são do grupo brasileiro CSS (Cansei de Ser Sexy). Mesmo não podendo fazer quem lê esse blog seguir qualquer coisa que escrevo espero que essa resenha seja capaz de fazer alguém ouvir Food e conhecer a Kelis. Assim espero.
    Expand
  6. Apr 24, 2014
    10
    Kelis has always been the chamaleon of music. she can sing pop, r&b, electronic and raw soul now. Food is amazing, even when my favorite album is Flesh Tone i can say this album is pretty much perfect and an AOTY contender.
  7. Apr 24, 2014
    10
    Listen, this album is everything and this review here proves why FOOD is possibly Kelis' best album and is defiantly already in the running for album of the year! http://fourplayblog.blogspot.co.uk/2014/04/fourplays-album-review-kelis-food.html
  8. Apr 22, 2014
    4
    As I predicted, Food was going to be a big disappointment. After listening to the album, I stand not corrected as the album was to be honest, dull. The only track worth listening to was 'Bless the Telephone'. I suggest Kelis returns to electronic music, because this album is not cutting it. She has a very unique voice, I must say....
  9. Oct 18, 2014
    10
    "Food" é um dos álbuns mais perfeito do ano! Kelis fez algo criativo com tantas inspirações. Um título que parece tão normal, mas o que tem um maior teor que muitas outras músicas da atualidade. O Pop de "Food" é apenas um pouco da originalidade que Kelis pode fazer. Este álbum, com certeza, pode satisfazer todas almas famintas que tem fome de músicas de alta qualidade!
  10. Nov 9, 2014
    8
    Për mua , ky është albumi më Kelis në karrierën e saj deri tani . Medredhi e shumë këngë duke u emëruar pas ushqimit ( haha ) . Tekstet e saj janë të mëdha , instrumentale mahnitshme mendjenja e tij duke luajtur jetojnë . Shumë mund të nënvlerësuar atë dhe hedhin Ushqim për një rekord të xhazit të luajtur në një dyqan kafeje . Vetëm të jap këtë një shans , unë jam i sigurt se kjo do tëPër mua , ky është albumi më Kelis në karrierën e saj deri tani . Medredhi e shumë këngë duke u emëruar pas ushqimit ( haha ) . Tekstet e saj janë të mëdha , instrumentale mahnitshme mendjenja e tij duke luajtur jetojnë . Shumë mund të nënvlerësuar atë dhe hedhin Ushqim për një rekord të xhazit të luajtur në një dyqan kafeje . Vetëm të jap këtë një shans , unë jam i sigurt se kjo do të bëhet një të preferuar të shpejtë në qoftë se ju pëlqen Soul / R & B.
    8/10
    Expand
  11. Oct 18, 2014
    10
    "Food" is one of the most perfect album of the year! Kelis did something creative with so many inspiration. A title that look so normal, but what have a greatest content than other actuality musics. Food's Pop is just a kind of originality. This one can satisfy all hungry soul.
  12. Oct 23, 2017
    7
    Mais um álbum inovador de Kelis. Ela é incrível e consegue se aventurar no estilo que quiser. Food é mais uma prova disso. Sedento pelo que vem no futuro.
  13. Jul 3, 2018
    8
    A classy record, full of creative R&B cuts, funky tracks, and instrumentally-driven songs. It's an album you could relax to: "Friday Fish Fry" and "Jerk Ribs" are, quite literally, sources of joy and happiness. It will cease your hunger for good music.
Metascore
77

Generally favorable reviews - based on 33 Critics

Critic score distribution:
  1. Positive: 25 out of 33
  2. Negative: 1 out of 33
  1. Apr 30, 2014
    63
    It's to Kelis' boundless credit that she can make the twee screw of “Floyd” or the passive attack trip-hop of “Runnin” feel warmly human just by doing her best to overpower it--even as the music tries, and nearly succeeds, in overpowering her.
  2. Apr 29, 2014
    60
    Food might sound pretty, but it's weaker than the sum of its parts.
  3. Apr 25, 2014
    80
    When an object in motion has been in as much motion as Kelis has been in the past four years, finding rest in soulful vibes and plaintive melodies, an album that invites rest for the artist as much as it does the listener is a welcomed, intriguing and appreciated listen.